Notícias


Bell leva helicóptero quase até o topo do Monte Everest

Aviões a jato podem voar alto. Já o helicópteros, nem tanto. Porém,...


Cemitério de metal: o que acontece quando um avião é aposentado?

Centenas de milhares de voos ocorrem todos os anos no mundo inteiro,...


Crise no Brasil faz companhias aéreas do Pacífico deixarem o país

Uma sequência de fatores tem feito com que as companhias aéreas de países banhados pelo Oceano...



WebMail

webmail
Homenagem revela foto de piloto que tentou salvar avião da Germanwings do desastre PDF Imprimir E-mail
  • Homenagem revela foto de piloto que tentou salvar avião da Germanwings do desastre

O Globo
07/04/2015 | 16:02
 POR O GLOBO COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS

Patrick Sonderheimer usou machado para tentar entrar na cabine travada pelo copiloto Lubitz

Homenagem à tripulação do Airbus A320 da Germanwings no Aeroposto de Dusseldorf: o piloto Patrick Sonderheimer (marcado) ao lado de Lubitz

DUSSEDORF — Enquanto as atenções da mídia se concentravam no copiloto Andreas Lubitz, o rosto do piloto que tentou desesperadamente retornar à cabine do Airbus A320 da Germanwings e impedir que o avião fosse jogado contra os Alpes franceses permaneceu desconhecido por dias. Um pequeno altar no Aeroporto de Dusseldorf em homenagem aos tripulantes mortos no desastre, no entanto, revelou a imagem do homem que passou os momentos finais do voo tentando derrubar a porta com um machado. Curiosamente, a foto do piloto Patrick Sonderheimer aparece ao lado da de Lubitz, informa o jornal “Bild”, além dos outros quatro membros da tripulação.

 

Segundo as investigações, Lubitz trancou a porta da cabine após a saída do piloto, travando-a para impedir o seu retorno. A caixa preta registrou Sondheimer pedindo, inicialmente, para entrar e depois gritando:

 

— Abra essa maldita porta!

No desastre, as 150 pessoas a bordo morreram.

Aos 36 anos, Sondheimer tinha dois filhos: uma menina de 6 anos e um menino de 3. Ele havia trocado os voos de longa distância para os de curta para passar mais tempo com a família.

Em uma cerimônia para as vítimas, a mãe de Sondheimer disse:

— Ele morreu como um heróis, mas ainda assim está morto. Estamos arrasados.

 

Experiência

10anos

Sitemap

mapa-site

Produtos em Destaque



Rua Bulhões Marcial, Nº 879 - Vigário Geral - Rio de Janeiro - RJ
contato@equimec-rgse.com.br
Telefone: +55 21 3681-2904 /3448-5023 Fax: +55 21 3352-7240

Desenvolvido por abc design ltda.. XHTML CSS.